Artigo escrito

  • em 13.04.2009
  • às 12:35 PM
  • por sebraerj

Os clientes de Microcrédito e o Microempreendedor Individual – MEI 21

abr13

Parece uma sopa de letrinhas, mas não é, há sim forte relação entre este sistema alternativo de crédito – o microcrédito e a entrada em vigor do MEI – Microempreendedor Individual no mês de junho próximo.

O mercado demandante por microcréditos no Brasil é formado, basicamente, por empreendedores informais (80%) e mulheres ( 75%), onde um microcrédito de R$ 800,00 é suficiente para operar no dia a dia, conforme estrutura de funcionamento e ramo de atividade.

São micronegócios com características eminentemente varejistas, equivalente a 10,3 milhões de informais (ECINF 2003), justamente a grande parcela de nossa economia de pequenos negócios que é formada por costureiras, sapateiros, artesãos, donos de mercearias e prestadores de serviços pessoais, dentre outros, cuja receita bruta anual seja de até R$ 36 mil.

É de se esperar que este relativo contingente de empreendedores informais já sejam atendidos por diversas Instituições de Microfinanças, assim como também outras fontes de financiamento tais como amigos, fornecedores e até mesmo bancos. A questão de quem atende e a forma é um outro assunto (crédito bancário x microcrédito).

Há de se considerar que o grau de penetração das Instituições de Microfinanças em relação ao público alvo (informais) é muito pequeno – em que pese ainda haver grande informalidade na divulgação dos números do segmento de microfinanças do Brasil, o que ainda carece de mais estudos aprofundados. Na ECINF, por exemplo, “as atividades informais levantadas compreendem as unidades econômicas pertencentes a trabalhadores por conta própria e a empregadores com até cinco empregados, incluindo todos os proprietários (sócios) desses empreendimentos”!

Muito se divulga que com a entrada em vigor do MEI haverá aumento dos microcréditos, o que necessariamente pode não se verificar. Haverá sim melhor qualidade das informações disponibilizadas juntos as instituições de microfinanças e bancos, podendo influenciar, em muito, a melhoria das análises do setor e até mesmo relativa alteração entre a porcentagem de informais e formalizados (MEI) atendidos com microcréditos.

De nossa parte é importante estreitar nosso relacionamento com as Instituições de Microfinanças, Programas Públicos de Microcrédito e bancos vocacionados no atendimento de negócios informais, na busca de orientar os empreendedores informais conforme a Lei Complementar 128, que dentre outras medidas possibilita a solução de problemas reclamados pelo segmento relativos à cobrança de ICMS, cria condições para desburocratizar a abertura e fechamento de empresas, permite a entrada de novos setores econômicos ao Simples Nacional e cria o Microempreendedor Individual (MEI). Abraços, e até a próxima!
__________________________________________________________
Sobre o autor: João Silvério é colaborador do Sebrae Nacional.
Este artigo é de inteira responsabilidade do seu autor não refletindo, necessariamente, a opinião do Sebrae.

Acompanhe os comentários via RSS

Comentários encerrados

  1. natanael araujo de oliveira disse:

    ao me cadastrar no mei eu vou poder regularizar um micro negocio e ter direito a cnpj como uma empresa regular e pagar os mesmos tributos do mei para me cadastrar no mei eu tenho que estar limpo no spc serasa se poderem me esclarecer estas duvidas agradeço e obrigado.

  2. sérgio disse:

    Prezados,
    Gostaria de saber se um professor autônomo que presta serviços em várias insittuições de educação empresarial poderá tornar-se “MEI” e com isso emitir nota fiscal de prestação de serviços?
    Obrigado.
    Sérgio

  3. pedro paulo da silva disse:

    ola eu fabrico bolsas em miha casa estou querendo me cadastrar no mei mas estou encontrando dificuldadde porque dois contadores que emtrei emcontato eles não estão bem infomado sobre o asunto
    eu acho que o governo deveria criar um orgom para cuidar desse
    programa em ves de termos que procorar contadores
    deveria ser por esemplo as pesoas faserem um cadastro direto na receita federal eu acho que seri mas fasio ou de untima forma
    um grupo de cotadores se reunirem e faser o cadastro de varias pesoas ex um grupo de 100 ou 200 pesoas eles estipulavam um valo
    unico para todos pagarem por mes um valor bem exesivel

  4. Maria E disse:

    Gostaria de saber onde posso me cadastrar para o mei, ja que sou vendedora a muito tempo, e sinto dificuldade de crescer devido a falta de um cnpj.Aguardo sua ansiosa sua resposta.
    Obrigada

  5. Thiago do Amaral disse:

    Estou pretendendo abrir um estudio de pilates, onde haverão 2 socios professores e um recepcionista. Gostaria de saber em qual sistema o meu negócio estaria incluído e mais informações que pudessem me auxilar na montagem deste empreendimento. Obrigado

  6. Priscila Souza disse:

    Olá sou vendedora de roupas e compro em petrópolis e teresópolis,
    como me enquadro no MEI?

  7. Wagner disse:

    Sou Corretor de Imóveis, porém exerço como atividade principal
    TAXISTA.
    Posso me cadastrar no MEI. Como fazê-lo ?

    Abs

  8. Robson Souza disse:

    Qual o procedimento para se cadastrar nomei ? – Já existe formularios, e onde devo me cadasrar ?

  9. Robson Souza disse:

    Como faço para tirar o Cnpj ?

  10. MIDIAN MACIEL DA NOBREGA disse:

    Sou artesã, moro no RJ, e abri uma lojinha virtual, uma cliente que
    tem uma loja no RS, me fez um pedido so que solicitou nota fiscal, gostaria de saber como posso me cadastrar no MEI e como fazer a referida nota fiscal?
    Grata

  11. angela maristela moraes lima disse:

    ola eu quero me informar pois tenho uma loja de decoração de festas infantis e casamento e quero me cadastrar no mei e quero saber se poderei ter cnpj regularizar minha situaçao estou com nome sujo por enquanto spc e seraza mas ja estou limpando aos poucos

  12. josi disse:

    por favor em que pagina,site posso me cadastra por favor mande resposta pro meu email muito obrigdo

  13. Aguinaldo Caetano disse:

    Estou pretendendo abrir um estudio de pilates, onde haverão 2 socios professores. Gostaria de saber em qual sistema o meu negócio estaria incluído e mais informações que pudessem me auxilar na montagem deste empreendimento. Obrigado

  14. luiz disse:

    Desejo saber se vou poder fazer prestação se serviços,

  15. luiz disse:

    Desejo saber se vou poder fazer prestação se serviços.

  16. magnun purcino batisa disse:

    como mi cadastro pra mi regularisar com a previdencia MEI sou eletricista

  17. ewerton disse:

    trabalho de vendedor autonomo e tenho restriçao no meu nome vou pode te cnpj como pessoa juridica e qual sera os meus beneficios que eu terei com isso mesmo tendo restricão no serasa e spc se pode me tira estas duvidas agradeço

  18. Glaucio disse:

    Com o MEI passo a ser pessoa jurídica e terei nºInsc. Est./ CNPJ e poderei emitir notas fiscais de serviços?

  19. luciana disse:

    trabalho com salgados para festas a 7 anos e preciso legalizar minha situação,posso me cadastrar no mei.

  20. luciana disse:

    precisamos de informações mais precisas de qual serão nossos direitos e tambem os nossos deveres.

  21. Sebrae disse:

    Senhoras e senhores leitores deste blog. Desde o dia 1 de julho o site http://www.portaldoempreendedor.gov.br, do Gov. Federal está no ar. Acesse o site e faça sua inscrição.
    Se ainda esta com alguma dúvida sobre este procedimento ou sobre direitos e deveres dessa nova modalidade, por favor, baixe a cartilha elaborada pelo Sebrae,http://www.sebraerj.com.br/docs/faq_empreendedor_individual_final.pdf

Assuntos mais buscados

Administração de recursos humanos Administração do tempo Atendimento ao cliente Capital de giro Comércio eletrônico Comércio eletrônico para micro e pequens empresas Crédito Custos Empreendedor individual Empreendedorismo Estratégia Faturamento Finanças Franquia Gestão de estoques Gestão de pessoas Gestão do conhecimento Gestão empresarial Informática Inovação Internet Legislação trabalhista Lucro Mão de obra Marketing Meio ambiente e sustentabilidade Mercado Negociação Pesquisa de mercado Planejamento Plano de negócios Podcast Precificação Produtividade Propaganda Publicidade Qualidade Responsabilidade Social Tecnologia Tendência Tratamento tributário Tributos Vídeo Varejo Vendas