Artigo escrito

  • em 25.01.2012
  • às 02:26 PM
  • por sebraerj

A diferença entre preço e valor. 8

jan25

A diferença entre preço e valor está na cabeça do consumidor. Em geral o produto que não tem valor para o consumidor torna-se caro. Isto é muito simples de ser exemplificado: Possivelmente para a esposa todas as chuteiras são iguais e se alguma custar um salário mínimo será classificada como cara. Já para o marido esta chuteira poderá ser o passaporte para a artilharia. Por outro lado possivelmente na opinião do marido a esposa já tenha uma quantia suficiente de pares de sapatos e se um novo exemplar custar um salário mínimo será igualmente classificado como caro. Para a esposa o sapato era o que faltava para uma noite perfeita.

Preço é o que se paga por um produto e valor é o que o consumidor leva para casa. Valor é aquilo que efetivamente a empresa entrega como compromisso com o sucesso do cliente. Uma empresa de cosméticos não vende perfumes, batons ou esmaltes. Uma empresa de cosméticos vende sedução, auto-estima e sentimentos desejados pelo consumidor na hora da compra. O que a sua empresa realmente vende?

Marco Antônio Murara é administrador e especialista em comunicação integrada

Seguindo esta linha de raciocínio, a empresa deve concentrar o foco estratégico de vendas nos benefícios de seus produtos e serviços. Uma empresa não vende só características, mas principalmente benefícios. Quem compra um televisor não quer levar para casa somente um aparelho de tela plana, com entrada para muitas parafernálias eletrônicas, mas quer a satisfação de estar no conforto do seu lar, assistindo sua programação preferida com imagem e som de primeira qualidade.

A empresa deve ter bem claro os conceitos de Necessidade, Desejo e Demanda. Necessidades são as exigências humanas básicas como alimentação, segurança e abrigo. Desejo está ligado a um produto específico para a satisfação de uma necessidade. Demanda é o desejo de um produto para satisfazer uma necessidade, mas com dinheiro para comprar.

Compreendendo estes detalhes fica mais fácil desenhar a estratégia de marketing, que criará a demanda para o negócio, e a estratégia comercial que auxiliará o cliente a identificar valor nos produtos e serviços da empresa.

É comum encontrar pequenos negócios onde o empreendedor não define ao certo público-alvo, posicionamento e mix de produtos. Não há estratégia definida e por isso os resultados ficam abaixo do esperado. Parece obvio, mas para o marujo que não sabe aonde ir, qualquer vento serve.

Por fim, fica a observação: Você não entregaria seu filho doente a um mecânico, tampouco seu carro com defeito a um médico. Vender é coisa para vendedor, ou seja, é necessário perfil e vocação. É preciso saber o que é valor, benefícios, demanda e estratégia.

___________________________
Sobre o autor: Marco Antônio Murara é administrador, especialista em comunicação integrada Mestrando em administração e professor universitário.

visite o blog do autor em http://professormurara.wordpress.com/

Este texto é de responsabilidade do seu autor não refletindo, necessariamente, a posição do Sebrae/RJ

Acompanhe os comentários via RSS

Existem 8 comentários para este assunto

  1. alex rodrigues disse:

    Sou um aspirante a designer.
    Gostei do texto pois esclareceu alguns conceitos sobre o valor dos produtos e a importância de conhecer o seu publico-alvo. Com certeza fica mais fácil desenhar a estratégia de marketing calçado deste conhecimento.

  2. Leticia disse:

    eu trabalho numa empresa que vende cursos profissionalizantes ex: informatica,secretariado, operador de caixa, etc.
    sou consultora de vendas e sai nas ruas e abordo pessoas para ir ate a escola conhecer e acabam não indo, eu preciso de ideias para atrair clientes para serem nossos novos alunos como consigo obter ideias se tem muitos concorrentes?

  3. JÚLIA BARRETO disse:

    ADOREI O TESTO ME AJUDOU MUITO!

  4. JÚLIA BARRETO disse:

    ADOREI O TEXTO ME AJUDOU MUITO!

  5. Luis Gustavo disse:

    Algumas dúvidas elucidadas!! A perspectiva de valor é subjetiva, enquanto do preço é prática. Gostei…Obrigado.

  6. Roger Souza disse:

    Muito bom esta leitura. Gostaria de saber mais sobre como definir melhor Valor,Beneficio, demanda e estrategia para meu produto.

  7. Vânia Maria Cerqueira Costa Basquerotto disse:

    Muito interativo e bem exposto. Ótimo texto e muito objetivo. Gostei muito.

  8. Magno valadas disse:

    Explicacao bem explicada mesmo sendo um resumo.gostei

Por favor, sinta-se livre para comentar

* campos obrigatórios

Assuntos mais buscados

Administração de recursos humanos Administração do tempo Atendimento ao cliente Capital de giro Comércio eletrônico Comércio eletrônico para micro e pequens empresas Crédito Custos Empreendedor individual Empreendedorismo Estratégia Faturamento Finanças Franquia Gestão de estoques Gestão de pessoas Gestão do conhecimento Gestão empresarial Informática Inovação Internet Legislação trabalhista Lucro Mão de obra Marketing Meio ambiente e sustentabilidade Mercado Negociação Pesquisa de mercado Planejamento Plano de negócios Podcast Precificação Produtividade Propaganda Publicidade Qualidade Responsabilidade Social Tecnologia Tendência Tratamento tributário Tributos Vídeo Varejo Vendas